O Espírito Das Borboletas : A Poeta , A Fala E A Luz

domingo, 1 de janeiro de 2012

A Poeta , A Fala E A Luz




Era uma vez
um menino
que ainda
não havia
nascido
mas já
falava ...
- qual o dia em que tocarei a luz ?
e resposta
não existia
para a vida
que o sonhava ...
então ...
uma menina
o inquietou :
- qual a luz que tu queres ?
no encanto de sentir
a voz dela
ele descobriu
que ...
afinal ...
há muito , muito tempo ...
ele falava ...
porque ...
ela ...
havia nascido ...



À minha adorada Dani , com a palavra mais sagrada
que o Homem inventou - amor !



O Espírito Das Borboletas , 010120120325

2 comentários:

  1. Meu amor, meu menino doce, adoro flutuar por este céu de letras repletas de tantos significados, de tantos carinhos, tantos beijinhos... Gosto de sentir as pétalas destas flores coloridas e tão perfumadas que despejas sobre mim, enquanto caminho seguindo os teus passos, gosto de te ver enfeitando delicadamente os meus cabelos, gosto do vento que tua boca sopra sobre o meu rosto e do jeito terno como me olhas, sim, eu gosto tanto de te pertencer, que não consigo imaginar o quão triste seria esta vida minha, se eu não tivesse encontrado você.

    Obrigada por tudo, meu amor!

    te amo demais!

    beijo da tua Dandan

    ResponderEliminar